zuarte
consultoria e assessoria para uniformização
(
roupas profissionais e uniformes industriais)
 

Índice Acima Links
 

Índice Acima Links

 

Glossário

   

EPI : equipamento de proteção individual

 

FIO CARDADO: o fio cardado devido a não passar pela penteadeira, possui mais fibras curtas, o que propicia uma maior formação de pilling (bolinhas no tecido) e neps (defeito na regularidade do fio).
A aparência também é prejudicada, pois o mesmo possui uma maior irregularidade.
(retirado do
site http://www.hering.com.br/Canais/glossario/ em 2003)

 

FIOS NATURAIS: os fios naturais são obtidos diretamente da natureza e os filamentos são feitos a partir de processos mecânicos de torção, limpeza e acabamento.
Podem ser obtidos a partir de frutos, folhas, cascas e lenho.
As principais plantas têxteis são: o Algodoeiro (fibra de algodão), a Juta (para fazer cordas), o Sisal (parecido com o linho), o Linho (caule com filamentos rígidos) e o Rami (também muito utilizado como o linho).
(retirado do site http://www.hering.com.br/Canais/glossario/ em 2003)

 

FIO PENTEADO: no sistema penteado o fio passa por um equipamento que se chama penteadeira.
Este equipamento tem a função de retirar as fibras mais curtas (antes de se formar o fio) e impurezas como cascas, que são provenientes do algodão e não foram retirados em processos anteriores.
Este processo confere um fio de qualidade superior, visto que este é mais limpo, não possui fibras curtas, e é mais resistente.
Tem menos Neps, e forma menos pilling na malha acabada.
Porém devido à retirada de mais fibras no processo, a perda de algodão para a produção do fio é maior, o que juntamente com a inclusão de mais um equipamento
no fluxo produtivo, eleva o custo de fabricação e conseqüentemente o preço do fio, sendo este o fator principal para o encarecimento do fio penteado.
(retirado do
site http://www.hering.com.br/Canais/glossario/ em 2003)

 

FIOS DE TRAMA : fios horizontais (longitudinal), o comprimento do tecido plano.



FIOS DE URDUME : fios verticais ou transversais, largura do tecido.

 

NYLON: é o termo aplicado para um produto de origem sintética largamente utilizado em fibras têxteis,
que se caracteriza pela sua grande resistência, tenacidade, brilho e elasticidade.
Foi desenvolvido nos anos 30 e hoje, Nylon é o nome dado a toda uma família de fios e fibras sintéticas,
chamadas de poliamidas
(retirado do site http://www.hering.com.br/Canais/glossario/ em 2003)


POLIAMIDA (NYLON): a poliamida, ou nylon; nome comercial pelo qual também é muito conhecido; foi a primeira fibra sintética criada pelo homem.
Tem como características a alta resistência, fácil lavagem, resiste ao amarrotamento, baixa absorção de umidade, toque agradável, e secagem rápida.
Uma grande vantagem da poliamida (nylon) em relação ao poliéster é o toque mais sedoso e melhor transpiração.
(retirado do site http://www.hering.com.br/Canais/glossario/ em 2003)


POLIÉSTER: fibra artificial sintética, obtida de processos químicos, derivada do petróleo.
O poliéster é caracterizado por ter uma ótima resistência, baixo encolhimento, secagem rápida, resistente ao amarrotamento e abrasão, baixa propagação de chamas. 
A principal vantagem quando comparado com as microfibras de poliamida é o custo.
Sua desvantagem é o processo de tingimento, o qual requer mais calor e leva mais tempo para ter a cor fixada.
(retirado do
site http://www.hering.com.br/Canais/glossario/ em 2003)

 

SARJA : tipo de construção do tecido, com destaque diagonal.
Tecido básico e versátil que apresenta excelente caimento, ótimo aspecto após lavagem e combina com qualquer tipo de clima.
O
s fios de urdume e tramas são entrecruzados conforme uma ordem e freqüência programadas, a fim de se obter linhas diagonais características desse tipo de tecido.
São utilizados para a confecção de peças detalhadas e com curvas, devido a sua capacidade de moldagem.  
É mais utilizada por amarrotar menos do que a tela.

 

TECIDO - ver aqui

 

TELA : os fios da trama e do urdume se entrecruzam alternadamente.
As gramaturas costumam variar entre 150 g/m2 e 1000g/m2.
É uma
construção de ligação do tecido plano, caracterizada pela simetria da distribuição dos fios na proporção 1 fio por 1 fio (entre urdume e trama).
Esta construção em tela plana proporciona uma superfície plana e regular.

 


 

Índice Acima Links

Zuarte
Copyright © Zuarte . Todos direitos reservados.

Ultima modificação : junho 16, 2015